5 doenças mais comuns do outono

5 doenças mais comuns do outono

28/03/2022

Oscilações de temperatura e baixa umidade relativa do ar aumentam os riscos de doenças respiratórias nas estações mais frias do ano; saiba como se proteger.O outono chegou e a tendência é de dias com temperaturas menores e tempo seco. Com o friozinho à vista é hora de tirar as roupas mais quentinhas e os cobertores do armário e a combinação de todos esses fatores é um prato cheio para desencadear doenças respiratórias e alérgicas, causadas, respectivamente, por bactérias e vírus e fungos e ácaros. No post de hoje vamos falar sobre as infecções mais comuns nesta época do ano e como se proteger delas. 1. Gripe (influenza) A transmissão do vírus da gripe é a mais comum no outono e inverno. Por isso, é importante evitar lugares fechados. Se for permanecer nesses ambientes, abra bem as janelas, com o intuito de diminuir a proliferação dos vírus. A transmissão das síndromes gripais se dá pelo contato com objetos contaminados ou secreções das vias respiratórias dissipadas por meio de espirros, tosse ou fala. Os principais sintomas da gripe são: dor de cabeça, febre, dor nas articulações e muscular.Leia também: Influenza H3N2 - Fique de olho no novo surto de gripe 2. Resfriado Embora as diferenças sejam sutis, gripes e resfriados não são a mesma coisa. O que justifica a confusão são os sintomas, bem similares, porém mais leves no caso dos resfriados. São eles: coriza intensa, tosse, congestionamento nasal, dor de garganta, dor no corpo e na cabeça, febre e mal-estar. Os resfriados são causados por vírus que atingem a região da garganta e do nariz. 3. Otite É conhecida como infecção de ouvido e mais comum em crianças. É causada por vírus ou bactéria. Além de dor ou desconforto no ouvido, causa febre e dor de cabeça. 4. Sinusite Caracteriza-se por uma inflamação dos seios paranasais e provoca dor e incômodo. Normalmente, ocorre após um resfriado e pode provocar uma obstrução do nariz ou congestão. Os desconfortos são: pressão ao redor dos olhos, inchaço, corrimento amarelo ou verde do nariz e muita dor de cabeça e na face. 5. Pneumonia A pneumonia é um processo infeccioso ou inflamatório que ataca os pulmões. Também é causada por fungos, bactérias ou vírus. De maneira geral, provoca dor no peito ao tossir ou respirar, fadiga, febre, tosse com catarro, transpiração, náuseas e calafrios com tremor. O quadro de pneumonia pode se agravar em pacientes idosos ou com problemas de saúde. A atenção deve ser redobrada se a doença acometer esses grupos. Como evitar as doenças oportunistas do outono? Alguns hábitos podem ajudar a preservar a saúde para que seu organismo não sinta os efeitos colaterais das oscilações de temperatura e do ar seco do outono e do inverno. São eles: Beber bastante líquido Com o ar mais seco, é essencial beber bastante líquido e manter o corpo hidratado. Algumas doenças respiratórias surgem porque o ar frio deixa as vias aéreas mais secas, propiciando a instalação de vírus e bactérias. Hidratação da pele Nas estações mais frias do ano, a pele costuma ficar mais seca que o comum. Para evitar irritações, rachaduras e alergias superficiais, use hidratantes, não tome banhos muito quentes e demorados e diminua o uso de buchas corporais. Higienização das mãos O bom hábito que adquirimos durante a pandemia deve persistir, sobretudo no outono e no inverno. Lavar bem as mãos ou usar o álcool em gel pode evitar a transmissão de doenças respiratórias e também gastrointestinais. Higienização da casa e das roupas A limpeza das roupas e doméstica (principalmente cobertas, carpetes e cortinas) evita a proliferação de bactérias, ácaros e fungos, proveniente de poeira. São eles que propiciam as alergias e doenças respiratórias. Mantenha as vacinas em dia A vacinação contra a Covid-19 e as doses de reforço e as vacinas contra a gripe ajudam a aliviar os sintomas e evitam a evolução para quadros graves das doenças. Hábitos saudáveis Mantenha hábitos saudáveis como tempo de sono adequado, alimentação saudável e prática regular de exercícios físicos. Tudo isso ajuda a manter a imunidade em dia e evitar infecções.

Programas do GNDI Sul promovem perda de peso e fim do sedentarismo

Programas do GNDI Sul promovem perda de peso e fim do sedentarismo

21/03/2022

Estudo do IBGE ponta que a obesidade mais que dobrou no Brasil em 16 anos; SOS Balança e Em Movimento ajudam beneficiários a perder peso e adotar hábitos saudáveis Dizem que o ano só começa depois do Carnaval e se você colocou o emagrecimento na sua lista de resoluções para 2022, ainda dá tempo de recuperar os meses perdidos. Aliás, quando falamos sobre a saúde, sempre é hora de recomeçar para melhorar a qualidade de vida, aumentar a autoestima e alcançar a longevidade. A expectativa de vida dos brasileiros está subindo e quem quer viver com bem-estar no futuro precisa começar a se cuidar no presente. Perder peso não está relacionado apenas às questões estéticas. Além de fazer as pazes com o espelho, diminuir alguns quilos na balança pode te ajudar a driblar a obesidade. A doença é crônica e caracterizada principalmente pelo acúmulo excessivo de gordura corporal. A curto e longo prazo acarreta prejuízos à saúde porque é porta de entrada para outras doenças crônicas como hipertensão, diabetes e cardiopatias, além de ser um fator de risco para cânceres, apneia do sono, entre outros problemas que podem ser evitados. Para se ter ideia sobre a gravidade do problema, a proporção de obesos na população com 20 anos ou mais de idade mais que dobrou no Brasil entre 2003 e 2019, passando de 12,2% para 26,8%. Os dados são da Pesquisa Nacional de Saúde 2019, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A coleta de dados envolveu 108 mil domicílios no País e apontou que a obesidade feminina subiu de 14,5% para 30,2%. Já a obesidade masculina passou de 9,6% para 22,8%. Outro dado do estudo demonstra que o excesso de peso atingia 60,3% da população de 18 anos ou mais de idade, o que corresponde a 96 milhões de pessoas, sendo 62,6% das mulheres e 57,5% dos homens. Recomeço Se você está lendo esse texto e está preocupado por se encaixar no perfil apresentado pela pesquisa do IBGE, pode respirar aliviado porque o sobrepeso e a obesidade têm cura e o GNDI Sul têm pode te ajudar. O pontapé da mudança é a mudança do estilo de vida. Novos hábitos como a adoção de uma alimentação saudável e a prática regular de atividades físicas vão te ajudar a emagrecer sem milagres e com muita saúde. Estamos falando de dois programas do Centro de Qualidade de Vida (CQV): o “SOS Balança” e o “Em Movimento”. S.O.S Balança O foco do S.O.S Balança é dar suporte para os beneficiários adotarem um estilo de vida mais saudável. Como fazer uma mudança de hábito? Cortar o carboidrato é saudável? Que dicas de receitas podem ser utilizadas na rotina do dia a dia para não deixar o processo monótono? Qual a atividade física ideal? As dietas da moda funcionam? As respostas para essas e outras perguntas serão respondidas durante o SOS Balança. Com duração de dois meses e encontros semanais em grupo online, o programa combina atividades lúdicas e palestras realizadas por uma equipe de nutricionistas, psicólogas, enfermeiras e educadores físicos.n O programa também contribui, por meio de mudanças de hábitos, a minimizar sintomas de ansiedade. Hoje já ouviu falar na expressão mens sana in corpore sano? O dito popular traduz perfeitamente essa conexão entre a saúde física e mental, que também é trabalhada pelos profissionais do S.O.S Balança. Em Movimento Mexer o esqueleto faz bem para o corpo e para a mente e é algo que deve estar na rotina de quem quer adotar um estilo de vida saudável. “Nosso foco é reduzir a população de sedentários e por isso disponibilizamos esse treinamento teórico e prático de sete semanas no qual abordamos temas como autogestão, exercício físico, alimentação e higiene do sono”, destaca Diego Mariano, que coordena o programa. As aulas ensinam os participantes a fazerem exercícios em casa e abordam quatro pilares: como organizar o tempo para praticar atividades físicas regularmente; os métodos dos exercícios; a alimentação saudável, que é o combustível do corpo e possibilita gerar energia mexer o corpo; além da importância do sono para ajudar a manter esses novos hábitos. Já em relação à questão social, basta olhar ao redor e observar uma consequência da pandemia que afetou a saúde mental de pessoas no mundo todo: a Covid-19 nos privou da convivência com amigos e familiares. “O isolamento trouxe um impacto na nossa estrutura social. Passamos a valorizar os encontros, como nunca. Afinal, o homem é um ser social. A prática de atividade física regular contribui para você ser parte de um grupo de pessoas que estão buscando o autocuidado. Um objetivo comum estimula a união e a criação de novos vínculos de amizade. Tudo isso fortalece, ao mesmo tempo, a saúde física e mental”, afirma Mariano (Diego). A meta do Em Movimento é que, em dois meses, após essas orientações práticas, os beneficiários estejam preparados para estabelecer uma rotina de exercícios dentro de sua realidade. Os encontros são online e os grupos de Whatsapp contribuem para o acompanhamento e motivação dos participantes.

Boletos Falsos: Não caia neste golpe

Boletos Falsos: Não caia neste golpe

08/03/2022

A fraude em boletos bancários é, infelizmente, mais comum do que se imagina. O golpista se aproveita do fato da vítima não utilizar os canais oficiais de atendimento e envia um boleto com linha digitável e código de barras alterados. Há apenas três maneiras de você obter o Boleto Digital GNDI SUL: Por e-mail, enviado pelos endereços: faturamento.boleto@clinipam.com.brPela Central de Atendimento Empresarial da sua regiãoNa Área do Cliente Empresa no Portal GNDI SULConfira os dados que constam no boleto de cada banco emissor: Santander: código do banco: 033-7, agência: 0084 e conta corrente da NotreDame Intermédica Sul: 4664272Caso o seu boleto contenha informações divergentes ou você receba alguma ligação para troca do boleto, entre em contato imediatamente com a Central de Atendimento da sua região, durante o horário comercial.

O Informe de Rendimentos ano base 2021 está disponível

O Informe de Rendimentos ano base 2021 está disponível

25/02/2022

Para acessar o Demonstrativo do Imposto de Renda 2021, siga os passos abaixo no Portal GNDI Sul (www.gndisul.com.br).PORTAL GNDI SUL1 - Acesse www.gndisul.com.br2 - No topo da página clique em Acesso do Cliente e depois em Beneficiário.4 - Na barra do menu clique em Relatórios/Minhas informações3 - Faça seu acesso com Login e Senha5 - Em seguida, selecione Demonstrativo para I.R..6 - Selecione o ano base para emissão do demonstrativo e em seguida Lista.7 - Selecione a forma de salvar o arquivo gerado ou imprima para anexarjunto a sua declaração de imposto de renda

7 dicas para curtir o Carnaval com saúde

7 dicas para curtir o Carnaval com saúde

25/02/2022

Faça um checklist antes de sair para curtir o feriado e aproveite os momentos de lazer sem desconfortos Não me leve a mal, hoje é Carnaval! É hora de curtir o clima de folia, mesmo que a programação seja mais intimista por conta dos cuidados com a pandemia. Mas antes de vestir a fantasia, confira algumas dicas para preservar sua saúde e segurança. 1. Hidratação É verão no Carnaval, estação do ano que exige que a hidratação seja maior para compensar a perda de água pelo corpo. Principalmente se houver ingestão de álcool, é essencial combinar esses líquidos com a água. É que bebidas alcoólicas aumentam a diurese e alteram o metabolismo hídrico, favorecendo a desidratação. Daí a necessidade de não esquecer de associá-las a copos de água, para manter seu corpo hidratado. Preste atenção nos sinais da desidratação e se esse sintoma aparecer, aumente o consumo de água: boca seca, sono ou cansaço excessivo; urina escura, dores de cabeça e sensação de tontura. 2. Protetor solar Se participar dos bloquinhos ao ar livre ou aproveitar o feriado para curtir o mar e a piscina, não esqueça do protetor solar. A fantasia de pimentão ou camarão pode acabar com sua festa. Não vale a pena perder o melhor da folia por conta da vermelhidão e outros desconfortos provocados pelo sol em excesso. Um chapéu bem estiloso - que tem tudo a ver com o clima carnavalesco - pode proteger seu rosto dos raios nocivos do sol. A longo prazo, sua saúde agradece. É que a exposição solar pode causar envelhecimento precoce e até câncer de pele.  A Sociedade Brasileira de Dermatologia recomenda produto com Fator de Proteção Solar (FPS) 30 ou mais. Se entrar na água, o protetor precisa ser reaplicado. Evitar o sol em horários de pico, entre às 10h e às 16h, também é uma boa pedida. 3. Camisinha Todo mundo já sabe, mas não custa repetir: a camisinha é o único método contraceptivo que também protege contra doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), como HIV, HPV, clamídia e gonorreia. A recomendação é importante porque, de acordo com o Ministério da Saúde, os jovens entre 15 e 24 anos são os que menos utilizam a camisinha, tanto em relações com os parceiros quanto em encontros eventuais. 4. Prefira roupas leves e confortáveis  Roupas leves, fresquinhas e de cores claras, feitas de tecido como o algodão, são a cara do Carnaval porque trazem mais conforto nas altas temperaturas. E para aproveitar a folia com segurança, evite sapatos abertos como chinelos e rasteiras, que provocam maior risco se pisar num caco de vidro, esquecido nas ruas pelos foliões. 5. Documentos Sair de casa “sem lenço e sem documento” só combina com a letra da música. Não esqueça do RG ou da habilitação na hora de ver a banda passar. Leve apenas um: se você perder enquanto estiver à toa na vida, as dores de cabeça serão menores no pós-carnaval. Mantenha seus principais pertences em locais seguros, como uma doleira de viagem. Bolsos sem zíper podem, inclusive, aumentar o risco de roubos. 6. Intoxicação alimentar Os quiosques e os vendedores ambulantes são um atrativo a mais nas festas carnavalescas. No entanto, basta uma bactéria para transformar a diversão em pesadelo. E você sabia que, muitas vezes, elas estão nos alimentos e sua origem está nas nossas mãos? É o contato sem a devida higiene que contribui com a proliferação dos micro-organismos. Por isso, para evitar desconfortos, o álcool em gel - que já faz parte da nossa rotina - é item obrigatório para curtir a folia. Outra dica é preferir alimentos frescos e naturais, como frutas, suco e água de coco. Comidinhas com ovos, maionese, frituras, iogurtes e derivados de leite devem ser evitados porque são sensíveis às oscilações de temperatura e podem desencadear as intoxicações alimentares. 7. Cuide do seu corpo: seu templo sagrado Isso está parecendo conversa de mãe, não é mesmo? É que, para nós, sua saúde precisa ser levada a sério. Especialmente no Carnaval, você pode encontrar alguém mal intencionado lá no meio do bloquinho. Não compartilhe copos para evitar a transmissão do Coronavírus e evitar que coloquem alguma substância que pode ser prejudicial a sua saúde na bebida.

Medicina preventiva é sinônimo de qualidade de vida

Medicina preventiva é sinônimo de qualidade de vida

21/02/2022

Beneficiários do GNDI Sul podem se inscrever nos programas gratuitos do CQV para cuidar da saúde física e mental: prevenir é sempre melhor que remediar Uma pesquisa publicada pela Harvard Business Review aponta que pacientes com doenças crônicas representam 50% dos custos no setor de saúde. Os episódios agudos ocupam o segundo posto, com 35% dos gastos e o investimento do sistema de saúde privado. A medicina preventiva está apenas na terceira posição e os subsídios giram em torno de 5 a 14%. O Grupo NotreDame Intermédica (GNDI) está na contramão do setor desde 1982, quando adotou, de forma pioneira, o conceito de Assistência Integral à Saúde. A empresa oferece diversas iniciativas totalmente gratuitas que incentivam rotinas saudáveis, combatem o sedentarismo e tratam doenças crônicas. Nós entendemos que quem se dedica à prevenção das doenças em vez de seu tratamento, reduz os custos com a saúde e ainda alcança algo que não tem preço: o bem-estar e a qualidade de vida. Os Beneficiários do GNDI Sul contam com o Centro de Qualidade de Vida (CQV), uma unidade especializada no cuidado coordenado. Os produtos incentivam um estilo de vida saudável e cuidam da saúde física e mental. Afinal, a própria definição de saúde proposta pela Organização Mundial da Saúde (OMS) relaciona as duas coisas: “um estado de completo bem-estar físico, mental e social; e não apenas ausência de doenças ou enfermidades”. Medicina Preventiva - Em ação Alcançar esse conceito não é tão fácil quando deixamos de lado a teoria e partimos para a prática. É consenso que a tecnologia agilizou a comunicação e removeu as fronteiras. No entanto, deixou a rotina ainda mais atribulada. E o CQV não mede esforços para que os beneficiários do GNDI Sul vivam em equilíbrio. No grupo online Pílulas de Atenção Plena os participantes aprendem práticas para lidar melhor com os desafios do cotidiano. Nos encontros são estimulados a olharem com positividade para a vida, mesmo num cenário adverso, como o de pandemia, que experimentamos desde 2020. É comprovado que o mindfulness diminui os níveis de cortisol, que é justamente o hormônio do estresse. O estado de atenção plena é eficiente não apenas para transtornos de saúde mental (depressão e ansiedade), mas também para doenças crônicas como diabetes, hipertensão e dor crônica. Falando nela, os pacientes com diagnóstico de Fibromialgia também são assistidos pelo CQV por meio do Educafibro. Conduzido por uma equipe multidisciplinar, o objetivo do programa é promover conhecimento a respeito da síndrome e gerar um ambiente de reflexão acerca de hábitos cotidianos, visando o aumento na qualidade de vida e maior adaptação à Fibromialgia. Mais comum em mulheres na idade fértil - embora também possa ser desenvolvida por homens - a Fibromialgia é uma síndrome que se caracteriza por dor osteomuscular crônica e em vários lugares. A doença causa sensibilidade e dores no corpo, mas também pode afetar a qualidade de vida como um todo. GestantesAs futuras mamães também têm um programa para chamar de seu no CQV: o Gestação Segura. Nele, são realizadas diversas oficinas no decorrer da gestação. Uma delas é “Trabalho de parto e Parto”, que orienta mulheres grávidas sobre o que fazer naquele momento tão esperado por elas: e se a bolsa romper?; e quando começarem as contrações?; entre outras questões que permeiam esse momento tão especial na vida de toda a família.É que no GNDI Sul, nós cuidamos da sua saúde por inteiro, a vida inteira!

É gripe ou Covid-19?

É gripe ou Covid-19?

08/02/2022

Confira no post de hoje quais os sintomas do Coronavírus e da influenza e como se prevenir Além do aumento de contágios pela variante Ômicron, enfrentamos no Brasil surtos de outras doenças respiratórias. Tosse, febre, dores de cabeça e nas articulações são sintomas que têm confundido muitos pacientes neste começo de 2022. É que todos esses sinais podem ser tanto indicativo de infecção pelo Coronavírus quanto por variantes do vírus influenza, a H1N1 e H3N2. Para auxiliar no diagnóstico correto, os infectologistas precisam conhecer os sintomas de cada infecção na anamnese do paciente, além de solicitar exames específicos que ajudem nessa identificação. Os exames são o swab nasal (para Covid-19) e o Painel Viral, que busca analisar os vírus respiratórios que causam as síndromes gripais.Confira abaixo quadro com sintomas de cada uma das doenças:   “Flurona” Há casos de infecção dupla, nos quais os sintomas são simultâneos e não há uma diferenciação muito grande. A infecção pelos dois vírus ao mesmo tempo é chamada de “Flurona”. Não é algo tão incomum porque a via de transmissão e a forma de contágio são as mesmas: o paciente se contamina pela fala, saliva, contato ou objetos contaminados levados à boca. Como se proteger? Com a diminuição dos casos de Covid-19 no final de 2021, houve o relaxamento das medidas de isolamento social e os cuidados de proteção individual – uso de máscaras e álcool em gel. A pandemia mostrou como os novos hábitos são importantes e prova disso é que quando as pessoas retornaram ao comportamento padrão, anterior à pandemia, houve uma explosão de casos de H1N1 e H3N2. Daí a importância de retomar as medidas protetivas para evitar as três infecções, sem falar na vacinação em dia (doses de reforço para a Covid-19) e imunização contra a gripe.

Pesquisa de satisfação de beneficiários de planos de saúde do Programa de Qualificação de Operadoras (PQO) da ANS - Ano Base 2021

Pesquisa de satisfação de beneficiários de planos de saúde do Programa de Qualificação de Operadoras (PQO) da ANS - Ano Base 2021

01/02/2022

Queremos ouvir você, beneficiário de saúde e odonto do Grupo NotreDame Intermédica Sul, para que possamos aprimorar cada vez mais os nossos serviços. Caso seja acionado pelo IBRC, Instituto Ibero Brasileiro de Relacionamento, fique à vontade para responder a pesquisa de satisfação composta por perguntas que seguem as diretrizes estabelecidas pela ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar). O objetivo principal é avaliar a Qualidade em Saúde da Operadora.

Resolução Normativa - RN Nº 412 de 11 de novembro de 2016

Resolução Normativa - RN Nº 412 de 11 de novembro de 2016

28/01/2022

Prezado Beneficiário, Em conformidade com a Resolução Normativa - RN nº 412 de 11 de novembro de 2016, o Grupo NotreDame Intermédica informa que a partir de 10 de maio de 2017 entram em vigor as novas regras para solicitação de cancelamento do plano de saúde individual/familiar e de exclusão de beneficiários de contrato coletivo empresarial ou por adesão. A partir de agora você pode solicitar diretamente à NotreDame Intermédica o cancelamento do seu plano individual ou familiar, ou a exclusão do plano coletivo que você faça parte. Porém, esta opção pode resultar em várias consequências e, visando esclarecê-lo e orientá-lo nesta tomada de decisão, elencamos abaixo as principais informações decorrentes do cancelamento do seu plano. O cancelamento do plano ou a exclusão a pedido do beneficiário possui efeito imediato e caráter irrevogável, isto é, não pode ser anulado após o processamento. O cancelamento do contrato individual/familiar ou a solicitação exclusão de beneficiário deverá ser sempre solicitado pelo beneficiário titular do plano. Após o cancelamento, a contratação de um novo plano de saúde, na NotreDame Intermédica ou em outra operadora, poderá ocasionar: Cumprimento de novos períodos de carência; Preenchimento de nova Declaração de Saúde e cumprimento de Cobertura Parcial Temporária - CPT, caso existam doenças e lesões declaradas. A CPT consiste no período ininterrupto de até 24 meses, a partir da data da contratação, em que há suspensão da cobertura de Procedimentos de Alta Complexidade, leitos de alta tecnologia (UTI) e procedimentos cirúrgicos; Perda do direito a portabilidade de carências, caso este não seja o motivo de sua solicitação. Perda imediata do direito de remissão, que é a isenção de pagamento de mensalidades, quando do falecimento do beneficiário titular. As mensalidades vencidas e/ou eventuais coparticipações, caso previstas em contrato, devidas pela utilização de serviços realizados antes da solicitação de cancelamento ou exclusão, são de responsabilidade do beneficiário titular. As despesas decorrentes de eventuais utilizações de serviços, após a data da solicitação de cancelamento ou exclusão do plano de saúde, inclusive nos casos de urgência e emergência, serão de responsabilidade do beneficiário titular. A exclusão do beneficiário titular, nos contratos individuais/familiares, não cancelará obrigatoriamente o contrato, pois é assegurado aos dependentes já inscritos o direito à permanência no plano desde que assumam as obrigações decorrentes, como o pagamento da mensalidade. A exclusão do beneficiário titular de planos coletivos implica obrigatoriamente na exclusão de todo grupo familiar. A solicitação de cancelamento do contrato individual/familiar ou a exclusão de beneficiário poderá ser realizada por meio de atendimento telefônico no Serviço de Atendimento ao Consumidor - SAC ou nas Agências de Atendimento presencial. Verifique os números constantes no verso da carteirinha ou na página "canais de atendimento" do portal GNDI na internet, disponíveis de acordo com o plano e localidade contratada. Atenção! O seu pedido de cancelamento ou exclusão tem EFEITO IMEDIATO a partir da solicitação nos canais de atendimento da NotreDame Intermédica ou da ciência da operadora. Após a data e horário da sua solicitação de cancelamento ou exclusão do contrato, você não estará mais coberto pelo seu plano de saúde.Para melhor compreensão sobre o tema acesse abaixo a Cartilha de Cancelamento/Exclusão de contrato divulgada pela ANS.Cartilha de Cancelamento/Exclusão de Contrato

O Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) 2021 (ano base 2020)

O Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) 2021 (ano base 2020)

27/01/2022

O Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) faz parte do Programa de Qualificação de Operadoras (PQO) que é uma iniciativa desenvolvida pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) para avaliação anual do desempenho das operadoras de planos de saúde. O IDSS é um índice composto por um conjunto de indicadores agrupados em quatro dimensões e é calculado com base nos dados extraídos dos sistemas de informações da Agência ou coletados nos sistemas nacionais de informação em saúde. Confira abaixo o desempenho do Grupo Notredame Intermédica Sul com resultado geral e separado por dimensões: Resultado geral do IDSS do GNDI-Sul: 0,67821 - IDQS - QUALIDADE EM ATENÇÃO À SAÚDEAvaliação do conjunto de ações em saúde que contribuem para o atendimento das necessidades de saúde dos beneficiários, com ênfase nas ações de promoção, prevenção e assistência à saúde prestada.2- IDGA - GARANTIA DE ACESSOCondições relacionadas à rede assistencial que possibilitam a garantia de acesso, abrangendo a oferta de rede de prestadores.3 - IDSM - SUSTENTABILIDADE NO MERCADOMonitoramento da sustentabilidade da operadora, considerando seu equilíbrio econômico-financeiro, passando pela satisfação do beneficiário e compromissos com prestadores.4 - IDGR - GESTÃO DE PROCESSOS E REGULAÇÃOEntre outros indicadores, essa dimensão afere o cumprimento das obrigações técnicas e cadastrais das operadoras junto à ANS.5 - Gráfico de evolução do IDSS - TISSA ANS iniciou, a partir do IDSS ano-base 2017, uma nova etapa do Programa de Qualificação, que usa o Sistema de Informação do Padrão TISS (Troca de Informações na Saúde Suplementar) como fonte de dados para o processamento dos indicadores. A metodologia foi totalmente modificada, com os indicadores calculados sobre uma base de dados nova, gerando resultados que não são totalmente comparáveis com os anos anteriores.Gráfico de evolução do IDSSPara saber todos os detalhes sobre a nossa nota do IDSS Clique aqui. IDSS 2017, 2018, 2019 e 2020 Clique aqui

A pandemia continua, os cuidados também - Variante Ômicron

A pandemia continua, os cuidados também - Variante Ômicron

21/01/2022

O Grupo NotreDame Intermédica está preparado para a nova fase da pandemia.Infelizmente, o Brasil está enfrentando, novamente, uma grande onda de novos casos do Coronavírus, causada principalmente pela variante Ômicron.Muito mais transmissível que outras variantes já identificadas, a variante Ômicron pode infectar qualquer pessoa, mesmo com o esquema vacinal completo.Com o avanço da vacinação no País e a retomada das atividades cotidianas, um relaxamento natural com os cuidados agravou a situação e, agora, precisamos reverter esse quadro.Como o GNDI está preparado?Nunca baixamos a guarda contra a Covid-19. Mas, diante desse novo cenário, redobramos nossos esforços.Com o crescimento dos casos e da procura por Pronto Atendimento digital e presencial nas nossas Unidades, investimos em soluções para contornar o aumento das filas de espera e proporcionar ainda mais agilidade e segurança na assistência à saúde dos beneficiários. Confira:1. Telemedicina GNDIFortalecemos ainda mais a modalidade de atendimento on-line, que deve ser a sua primeira opção se você apresentar sintomas gripais leves ou for um paciente assintomático. Para reduzir o tempo de espera, contratamos mais horas médicas de profissionais capacitados e treinados (e continuamos contratando novos profissionais), com certificação digital, para oferecer o melhor atendimento para que você não precise sair de casa.Atendimento pelo seu computador, tablet ou celular.Receita médica com certificação digital válida em todo o território nacional.Atendimentos de segunda a sábado, das 7h às 22h.Saiba mais em:gndi.com.br/telemedicina2. Centros Clínicos Referência para Síndromes GripaisPreparamos alguns dos Centros Clínicos de nossa Rede Própria para receber beneficiários que buscam tratamentos relacionados a Síndromes Gripais.São Unidades de referência ao atendimento de casos suspeitos ou confirmados de Coronavírus e localizadas em pontos estratégicos e de fácil acesso.3. Centros Clínicos não relacionados a Síndromes GripaisOs beneficiários que não puderem procurar um Centro Clínico Referência para Síndromes Gripais, ou que precisarem de Pronto Atendimento para outros tipos de casos/enfermidades podem se dirigir aos demais Centros Clínicos, fluxo de Atendimento exclusivo para Curitiba. Unidade de referência para sintomas gripais: Centro Clínico Boqueirão. Que também estão capacitados para realizar o Pronto Atendimento de casos relacionados à Covid-19 e outras Síndromes Gripais, com corpo clínico e fluxos apartados dos demais atendimentos da Unidade. https://gndisul.com.br/centros-clinicos/paranahttps://gndisul.com.br/centros-clinicos/santa-catarina4. Exames de Covid-19 no NotreLabsEstamos enfrentando um pico na procura por testes de Covid-19 em todo o País. Por isso, é possível que, neste momento, os prazos de agendamento nos laboratórios NotreLabs estejam um pouco maiores e as liberações dos resultados dos exames sofram alterações pelos próximos dias.Suas atitudes são fundamentais para que a pandemia termine logo.Preserve a sua saúde e conte semprecom o GNDI!

Atenção aos locais de atendimento em Curitiba e Região

Atenção aos locais de atendimento em Curitiba e Região

18/01/2022

A partir do dia 06 de janeiro de 2022 (quinta-feira), o Centro Clínico Boqueirão atenderá exclusivamente, pacientes com sintomas respiratórios adulto e pediátrico. O Pronto Atendimento do Hospital Ônix Mateus Leme segue com atendimento de urgência e emergência adulto ortopédico e o Centro Clínico Pinheirinho, urgência e emergência adulto e ortopédico. O Centro Clínico Mercês permanece como referência para atendimentos eletivos, de urgência e emergência infantil. A reorganização do atendimento busca contribuir para que o sistema de saúde não entre em colapso, permitindo que as pessoas que realmente necessitam de atendimentos hospitalares urgentes recebam tratamento adequado. Caso apresente sintomas, dê preferência ao aplicativo GNDI easy Dr. Clinipam para Pronto Atendimento ou à Telemedicina, deixando o uso do serviço médico presencial somente para os casos de urgência/emergência e, sempre que possível, sem a presença de acompanhantes. Atenção aos novos locais de atendimento:Sintomas respiratórios adulto e pediátrico:Centro Clinico BoqueirãoAv. Marechal Floriano Peixoto, 7477 - BoqueirãoUrgência e Emergência adulto:Centro Clínico PinheirinhoAv. Winston Churchill, 1654 - PinheirinhoUrgência e Emergência adulto e ortopédica:Hospital Ônix Mateus LemeRua Mateus Leme, 2600 - São FranciscoSintomas respiratórios, Urgência, Emergência e Eletivo pediátrico:Centro Clínico MercêsAv. Manoel Ribas, 552 - MercêsPreserve a sua saúde e conte sempre com o Grupo NotreDame Intermédica!

Selo ANS Número ANS